Mudanças entre as edições de "93"

De Ocultura
Ir para navegação Ir para pesquisar
Linha 1: Linha 1:
 +
==A Instrução==
 +
 +
''“Todos aqueles que aceitaram a Lei deveriam proclamar o mesmo no trato diário. "Faze o que tu queres há o ser o todo da Lei" deve ser a forma invariável de saudação. Estas palavras, especialmente, no caso de estranhos, devem ser pronunciadas em voz clara, firme e articulada, com os olhos francamente fixos no portador. Se o outro for dos nossos, deixe-o replicar "Amor é a lei , amor sob vontade" A última sentença também deve ser usada como a saudação de despedida. Ao escrever, sempre que a saudação seja usual, deveria ser como acima: aberta "Faze o que tu queres há de ser o todo da Lei" e fechada "Amor é a lei, amor sob vontade" .”''
 +
 +
<p align='right'>'''Khabs am Pekht'''<br>
 +
'''Aleister Crowley'''</p>
 +
 +
==O que é o "93!" e "93,93/93"?==
 +
 
Noventa e três é a soma [[Gematria|gemátrica]] da palavra grega [[Thelema]] (Θελημα), que significa '''Vontade'''; e também de Ágape (Aγαπη), que significa '''Amor'''.
 
Noventa e três é a soma [[Gematria|gemátrica]] da palavra grega [[Thelema]] (Θελημα), que significa '''Vontade'''; e também de Ágape (Aγαπη), que significa '''Amor'''.
  

Edição das 13h38min de 4 de dezembro de 2006

A Instrução

“Todos aqueles que aceitaram a Lei deveriam proclamar o mesmo no trato diário. "Faze o que tu queres há o ser o todo da Lei" deve ser a forma invariável de saudação. Estas palavras, especialmente, no caso de estranhos, devem ser pronunciadas em voz clara, firme e articulada, com os olhos francamente fixos no portador. Se o outro for dos nossos, deixe-o replicar "Amor é a lei , amor sob vontade" A última sentença também deve ser usada como a saudação de despedida. Ao escrever, sempre que a saudação seja usual, deveria ser como acima: aberta "Faze o que tu queres há de ser o todo da Lei" e fechada "Amor é a lei, amor sob vontade" .”

Khabs am Pekht
Aleister Crowley

O que é o "93!" e "93,93/93"?

Noventa e três é a soma gemátrica da palavra grega Thelema (Θελημα), que significa Vontade; e também de Ágape (Aγαπη), que significa Amor.


Thelemitas costumam cumprimentar-se com "Faz o que tu queres há de ser tudo da Lei", e despedir-se com "Amor é a lei, amor sob vontade". Segundo o Livro da Lei, "A palavra da Lei é Thelema", portanto podemos abreviar a frase para 93.


Então:


93! (Thelema) ("Faz o que tu queres há de ser tudo da Lei")


93,93/93 (Thelema,Agape/Thelema - onde o 93 inicial simbolizaria Thelema=Agape ou amor é a lei) ("Amor é a lei, amor sob vontade")


Soma gemátrica

Θελημα (Thelema):

Θ (Theta) - 9
ε (Epsilon) — 5
λ (Lambda) — 30
η (Eta) — 8
μ (Mu) — 40
α (Alfa) — 1

9+5+30+8+40+1 = 93


Aγαπη (Ágape):


A (Alfa) — 1
γ (Gama) — 3
α (Alfa) — 1
π (Pi) — 80
η (Eta) — 8

1+3+1+80+8 = 93