O Louco

De Ocultura
Ir para navegação Ir para pesquisar
Template tarot2.jpgTarot | Tarot de Thoth
Arcanos Maiores: O Louco - O Mago - A Sacerdotisa - A Imperatriz - O Imperador - O Hierofante - Os Amantes - A Carruagem - Ajustamento - O Eremita - A Fortuna - Tesão - O Enforcado - Morte - A Arte - O Diabo - A Torre - A Estrela - A Lua - O Sol - O Aeon - O Universo
Arcanos Menores: Paus | Copas | Espadas | Discos
O Louco

O Louco é a respiração, a essência da vida. Como binômio Vida - Respiração, o Louco representa o Espírito total e eternamente jovem. No Espírito de Vida, o Louco é a primavera, o começo. Ele salta em sua loucura através do desconhecido, mas seus pés são as chamas que estabilizam o Universo. Cada momento é o Zero, um novo momento porque o Louco vive no presente todas as mudanças através de uma aventura mágica. Ele é andrógino ( Equilíbrio entre Animus - Masculino e Anima - Feminino), é totalmente amoral, criativo e inteligente, revolucionário, agitador e radical para os que não o conhecem. Ele é o princípio e o fim, um ser de Supra Consciência. Ele é uno antes da divisão dos opostos.

Interpretações - dificuldade na realização, idealizador, planejamento, aquele que se esforça para transcender a terra, estúpido, excentricidade

Caminho da Árvore da Vida - de Kether à Chokmah.

Letra Hebraica - Aleph - Boi, o Princípio de todas as coisas.

Valor - 1

Elemento - Ar Tattwa - Ar e Éter

Nome Místico - Espírito do Éter

Símbolos Principais

Os três círculos - Ain, Ain Soph, Ain Soph Aur.

Cor verde - o homem verde da primavera.

As botas douradas - o Sol ( símbolo fálico)

Cone de Luz - A Luz que provem de Kether

A Taça - Aspecto feminino Pinheiro - Aspecto masculino

A Pomba - O Espírito santo, o Caminho da Força O Pai - Emana O Espírito Santo -Planeja O Filho - Realiza.

Os cachos de uva - Símbolo do Deus Baco ( lembra a alegria e vivacidade do Louco)

Borboleta - Inteligência; o princípio alquímico da não perda da essência.

Abutre - Transformação Caduceu - Poder; aspecto do Mensageiro ( o Mago)

Tigre - O inconsciente

O Sol na região genital - Muladhara Chakra (A Sede da Kundalini)

Triângulo - Perfeição

O Chifre - O poder

As flores e as Crianças - Inocência

Saco nas costas - Reunião das idéias (Planetas e Zodíaco). Pode ser também representação de que a consciência do Louco não está restrita a moral de nosso Orbe, mas aquela do Universo.

Livro de Thoth

O desenho da carta em questão resume as principais ideias do que foi exposto anteriormente. O Louco pertence ao ouro do ar. Possui os chifres de Dionísio Zagreus e entre eles se acha o cone fálico de luz branca representando a influência proveniente da Coroa 30 atuando sobre ele. Ele é mostrado contra o fundo do ar, rompendo como aurora do espaço e sua atitude é daquele que explode inesperadamente sobre o mundo.

Está trajado de verde, conforme a tradição da primavera, mas seus calçados têm o ouro fálico do sol.

Em sua mão direita ele segura o bastão, encimado por uma pirâmide de branco, do Todo Pai. Na mão esquerda ele segura a pinha flamejante, de significado similar, porém indicando mais decididamente o crescimento vegetal; e de seu ombro esquerdo pende um cacho de uvas cor de púrpura. Uvas representam fertilidade, doçura e a base do êxtase. Este êxtase é mostrado pelo pedúnculo do cacho desdobrando-se em espirais dos matizes do arco-íris. A forma do universo. Isto sugere o Tríplice Véu do Negativo manifestando pela intervenção dele em luz dividida. Sobre esse verticilo existem outras atribuições da divindade: o abutre de Maut, a pomba de Vênus (Ísis ou Maria) e a hera sagrada para os seus devotos. Estão presentes também a borboleta de ar multicolorido e o globo alado com suas serpentes gêmeas, símbolo que tem eco e é fortalecido pelos infantes gêmeos que se abraçam na espiral mediana. Acima destes está suspensa a bênção das três flores em uma. O tigre faz festas para ele e sob seus pés no Nilo com suas hastes do lótus rasteja o crocodilo. Resumindo todas as suas muitas formas e muitas imagens multicoloridas no centro da figura, o foco do microcosmo é o sol radiante. A figura toda é um glifo da luz criativa.

Referências

  • Astrum Argentum - 08/10/2006 e.v.
  • O Livro de Thoth-O Tarot, Aleister Crowley