Typhonian Ordo Templi Orientis

De Ocultura
Ir para navegação Ir para pesquisar

TIPHONIANA doc. arqv. ALKANAH;.. Planos Os Cósmicos Enokianos


Tudo começa no divino Plano cósmico no qual nem todas as coisas podem ser postas em palavras, pois tudo é indescritível. A Divindade é naturalmente “Creativa ”. Isso expressa por si mesmo exterior e interiormente no tempo, espaço e forma. Isso é chamado um “Continuum”. O resultado da expressão da divindade interna e externamente é uma série de planos chamados de os Sete Planos Cósmicos de Manifestação. A parte Enokiana Física divide seis dos principais planos cósmicos em cinco subplanos, conduzindo profundamente em tempo, espaço e forma, para o plano físico, o mais baixo plano –nossa Terra material. A parte Enokiana Física ensina que um bando de mundos invisíveis existem ao nosso redor. Existindo em hierarquia e estendendo numa ordem serial, graduada do espirito para a matéria. Os principais aspectos da matéria são tempo, espaço e forma. São essas três características que começam densas e fortes como os processos criativos que tomam lugar. As Torres de vigília e os Aethyrs da Magia Enokiana são convenientemente “mapas de rua” desses reinos invisíveis . Eles freqüentemente ajudam que nosso estado desperto está no plano físico, nos sonhamos no plano astral, e nós experimentamos profundamente, em sono sem sonho entramos no plano mental. Portanto, o físico, o etérico, o astral, e o mental inferior dos planos cósmicos são já conhecidos para nós - pelo menos em alguns graus. Mônada Enokiana Uma mônada é definida como uma unidade indivisível; isto é, não pode ser quebrada em partes menores. A Mônada é o espiritual, essência indivisível no centro de toda a existência. Não é a alma, mas a chispa que reside acima da alma. Toda mônada é monástica, ou de natureza singular, acima do primeiro Éter , LIL. Toda mônada é dividida ou dualística, abaixo de LIL . Essa dualidade apresenta várias formas como a mônada revela por si mesma internamente na matéria. Isso consiste no Self subjetivo ou pessoal no centro de um objetivo, o Mundo Imparcial. O Self é um centro de consciência tendo lugar no espaço, mas sem massa ou substância. O Self é o pessoal, lado consciente da realidade. Exatamente o que o Self reflete, ou seu senso de identidade, é dependente em tempo e posição no espaço físico acima do tempo, é rapidez (velocidade). Velocidade acima do tempo é aceleração. Quando uma mônada entra no plano cósmico da terra, ela se expressa por si mesma com massa (substancia); então sua expressão pode ser dita como tendo movimento, ou estimulação , pois:

Movimento =Massa x Velocidade = Forma “X”(tempo / espaço)

Contudo, o modelo separa o Self de suas expressões. O Self tem zero de massa. As expressões do Self, porem, possuem tanto substancia como estimulação. É o Self que dá coisas as individualidades. A outra metade da Mônada é chamada de Não-Eu. O Self diz: Eu sou isso. E procede para definir-se de acordo com isso. Isto é, o Self diz: “Eu sou João ou Maria”. Tudo que não cair dentro desta afirmação torna-se o mundo. O mundo de uma Mônada não é o mundo de outra, mas interligamentos ocorrem . Por uma instância, todos são individuais, mas cada indivíduo é parte de uma família, de uma comunidade, de um estado de um pais, e portanto nossos mundos se interligam. É devido a nossos mundos se interligarem que nós podemos formar nossos mundos .Um estudo cuidadoso deste modelo irá revelar muitas idéias interessantes e novas. Os seguintes 10 princípios ou Axiomas da parte Física Enoquiana, podem ser formatados diretamente de seu modelo mônadico.

Axiomas da Parte Física Enokiana

1. Toda entidade em existência é, em essência, uma mônada. Essa essência monádica se expressa por si mesma como um Self Subjetivo e um Mundo Objetivo. 2. A geometria equivalente a qualquer entidade é a esfera. O centro da esfera é o Self . A superfície da esfera é o mundo. 3. O Self é individualidade consciente. 4. O mundo é o qual , o Self encontra a si mesmo em qualquer ponto dado de tempo e espaço. 5. Todo ponto geométrico no espaço é uma mônada Self – Mundo em algum estágio de auto – expressão. 6. Qualquer Self pode se comunicar com qualquer outro Self somente nas distâncias em que os mundos se cruzam. 7. Um mundo é definido como uma série de “cruzamentos” de inumeráveis mundos em qualquer ponto dado de tempo e espaço. 8. Sub-regiões do Self são mutuamente exclusivas. 9. Sub-regiões dos Mundos podem ser exclusivas ou inclusivas. 10. A essência monádica de cada mônada permite numerosas expressões, mas nenhum Self pode separar-se de si mesmo ou de sua existência independente de seu mundo. Ainda que este modelo possa apresentar-se confuso, um pequeno estudo irá revelar sua sua simplicidade.

Os Teoremas da Parte Física Enoquiana

1. Toda pessoa é uma mônada. 2. Todo ponto no espaço é um centro consciente. 3. A energia flutua de um plano cósmico ou subplano, para um plano ou subplano adjacente, através de centros Laya, pontos não dimensionadas do espaço, os quais servem como canais para a flutuação das energias e das forças. 4. Espírito é uma energia Imanifesta. Matéria é energia manifesta. 5. Toda manifestação dentro de tempo e espaço é dual. 6. Espaço, Tempo e Consciência vem a existência simultaneamente. 7. Todo campo de força e toda força em nosso Universo, são dirigidas pela Vontade Verdadeira.

YAHIA A ALKANAH